1

www.consumidorpositivo.com.br/cadastro- Cadastro positivo

 

O consumidor é penalizado com o nome incluído nos serviços de proteção ao crédito quando fica inadimplente, na maioria dos casos é por falta de verba que tem como causa principal desemprego que pode ser do próprio devedor ou de um dos membros da família, tendo então que arcar com as despesas  de maneira efetiva comprometendo uma parcela maior da renda e quando não compromete até integralmente, ou por questões de doença que todos estão sujeitos.

Seja por uma questão ou por outra, o consumidor fica com o nome negativado nos principais nos principais sistemas de consulta. De um modo geral ninguém quer fazer parte desse cadastro negativo, mas como situações adversas podem ocorrer, muitas empresas participam de feirões de apoio ao consumidor promovido pelo SERASA, SPC e SCPC para renegociar as dívidas firmando acordo que possam ajudar o devedor e favorece as empresa que receberão os valores do débito diluídos em parcelas.

cadastro-

www.consumidorpositivo.com.br/cadastro- Cadastro positivo 

O consumidor poderá fazer parte do cadastro positivo que o configura como bom pagador e tem o crédito facilitado na hora da compra parcelada, pois as empresas buscam informações no cadastro positivo para analisar se podem autorizar o crédito tomando como base o perfil de histórico do cliente em potencial de como se comportou com os compromissos de pagamento de cartão de crédito, compras de mercadorias em dia ou se foi incluído muitas vezes na rede de não pagador. Tudo isso facilita o crédito na hora da compra.

Informações no cadastro positivo 

Não é preciso se preocupar se toda a sua vida financeira aparecerá na consulta de crédito, isso seria invasão. As informações disponíveis aos lojistas são apenas as que interessam como aval de comportamento, são elas; dados cadastrais, pagamentos realizados, parcelas pagas e valor, datas de pagamento.

Informações bancárias, se possui ou não veículo, casa própria ou outros bens não contam no cadastro.

 

 

Fonte de pesquisa  http://www.serasaconsumidor.com.br

 

 

Carol Bonner

One Comment

  1. Sou cliente Nextel , tenho o Plano Pós Pago Família (2500 minutos e 5 G de internet) e estou com minha fatura de dezembro em aberto, pois a mesma ficou muito alta neste mês. Não tenho condições de pagar em uma única parcela e o atendente me disse que eu poderia parcelar em até 8 vezes a fatura de dezembro (que venceu dia 17-12) e a janeiro e tb parcelar em 8 vezes a próxima fatura ( que vence dia 17-01-17) . É a única forma que tenho de pagar e continuar sendo cliente da Nextel. Se esta negociação não for realizada, vou ter que cancelar o plano. O protocolo da ligação que comprova esta negociação é 201600245692551. Ela foi realizada no dia 26-12-16 às 16:42. Estou com este protocolo registrado no meu celular. Porém a ligação caiu e quando liguei de novo a atendente me disse que só poderia parcelar em 5 vezes. Liguei de novo e atendente falou que só poderia parcelar em 2 vezes. Eu disse à atendente que iria cancelar o plano, mas ela me disse que o cancelamento só poderá ser feito se eu pagar a fatura em e ela só poderá ser paga em 2 vezes e fim de papo. Mandei também uma msg na Ouvidoria, mas o site está fora do ar… Mandei mensgagem de email para a Nextel e vocês responderam que eu devo ligar no SAC (o 1º lugar que liguei e que é absolutamente desorganizado e criou essa confusão toda). Quero pagar minhas duas faturas, mas dentro das condições que eles me propuseram inicialmente: em 8 vezes. Não tenho esperança de que vocês me retornem, haja visto o péssimo atendimento que recebi hoje. Mas esta é a minha última tentativa antes de entrar na justiça. Por gentileza, aguardo que a Nextel me mande os boletos para pagar as duas faturas citadas em 8 vezes ou me enviem a gravação da negociação pois procurarei o Procon e a Justiça. Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *